Comunicado

Comunicado

Prezados Pacientes,

Após 10 anos, aproximadamente, de especial trabalho desenvolvido aqui no Rio de Janeiro, tendo alcançado a expressiva marca de 500 nascimentos, tivemos a honra de sermos convidados a levar para o Estado de Santa Catarina nossa experiência e conhecimento em tudo que se refere ao Abortamento de Repetição e Infertilidade.

Lá iremos auxiliar na montagem do Centro Clínico e treinamento nas cidades de Joinville e Itajaí.

Outra boa notícia é que a Dra. Marion Castro passa a fazer parte do nosso corpo clínico. Profissional experiente, com mais de 20 anos de carreira, tivemos o prazer de estudar juntas Medicina na Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNI-RIO), onde nos formamos.

Além disso, Dra. Marion é pós-graduada pela UFRJ com título de Especialização em Imunologia. Importantíssimo ressaltar ainda, que assim como eu, a Dra. Marion também recebeu treinamento do Dr. Barini e Equipe.

Desde setembro de 2018 a Dra. Marion e eu já estamos atendendo pacientes em conjunto. E partir de janeiro de 2019, nas datas em que eu não estiver no Rio de Janeiro, ela dará todo apoio ao atendimento dos pacientes.

Em função dos deslocamentos frequentes para Santa Catarina ficarei ausente do Rio de Janeiro em algumas datas, porém não distante dos nossos pacientes, uma vez que seguirei dando todo o suporte necessário de lá, e a Dra. Marion presencialmente aqui no Rio de Janeiro.

Atenciosamente,
Dra. Bianca Selva Figueiredo
Dra. Marion de Fátima Castro de Andrade
Núcleo de Imunologia da Reprodução Humana (Nidarh)

Aline Cardoso

Nicolas me Fez Mãe e com Vítor Pude Viver a Maternidade

Minha saga para conseguir realizar meu sonho de ter um filho teve início em 2012. Tive que percorrer um longo caminho, com muita luta e alguns percalços, mas muita fé em Deus e esperança.

Depois de três gestações interrompidas de forma espontânea, minha ginecologista me encaminhou para a clínica da Dra. Bianca Selva.  Era necessário fazer uma investigação para saber o porquê de minhas gestações não conseguirem evoluir mais do que 12 semanas.

Eu e meu marido fizemos uma série de exames e iniciamos o tratamento. Depois de muitas consultas, exames e um novo aborto, engravidei novamente.

Pela primeira vez consegui levar minha gravidez além das 12 semanas. Porém, com 34 semanas, descobri em uma ultrassonografia que meu bebê tinha um problema, uma doença rara. Tive que fazer uma cesárea. Infelizmente, na primeira vez que minha gestação evoluiu, perdi o meu bebê. Nicolas veio a falecer nove dias depois de nascido.

O que me conforta é que não era um problema genético. Não foi nada transmitido por mim ou meu marido. O bebê simplesmente nasceu com a doença.

Foi um momento de muita tristeza, mas que não abalou minha fé e confiança. A luta e a esperança persistiram e eu segui meu acompanhamento com a Dra. Bianca. Novas consultas, novos exames em nome de um grande sonho.

Seis meses após a perda do meu filho, engravidei de novo. Em 2016, o meu arco-íris chegou. Meu Vitor, que transborda alegria pela casa há quase três anos. O Nicolas me fez mãe e com o Vitor pude viver a maternidade.

O apoio da Dra. Bianca e sua equipe foi fundamental para a realização do meu sonho. Meu agradecimento eterno a ela por todo o suporte.

Para as mulheres que ainda estão tentando: Não se deixem abater. Não desistam. Tenham fé em Deus e não percam a esperança nunca.

Aline, André e Vitor